sábado, 23 de julho de 2011

Música

Ele diz que escuta essa música e quer agarrar a mochila, cair no mundo e deixar toda essa merda. A menina faz que sim com a cabeça. Entende, porque um dia quis o mesmo. E encheu a mochila de cacarecos e deixou tudo o que a assustava tanto. Partiu. Chegou até ele depois de um caminho meio largo, e o abraçou com o desespero dos náufragos quando agarram algo na busca louca por não afundar. Ela agora quer a simplicidade de comer essa tangerina embaixo de uma árvore. Quer olhar para ele de pertinho, vendo a barba, os cravinhos na pele, as imperfeições e o traço perfeito da boca.
- Entendeu o que fala a música?
Ela diz que não. Uma e outra vez, até que a música acaba. Só para escutar o que ele explica, esse rolo todo de metáforas e significados.

2 comentários:

O Impenetrável disse...

seus textos sempre cheios de vida. muito praer ao lê-los, grande abraço, querida.

Lara Cervasio disse...

Concondo com o outro comentário.

É muito emocionante lê-los.

Adorei o visual 'novo' (não sei quando mudou. Rs)

Beijos.